Phrasal Verbs - Eles não significam o que parecem

Posted

O phrasal verbs são expressões da língua inglesa que unem algum verbo com outras palavras, que formam um significado totalmente novo e diferente do original. Por esse motivo podem causar confusão em quem os estuda. Isso porque assim como os verbos irregulares, por exemplo, eles não seguem um padrão. Não há como adivinhá-los a não ser decorando-os.
Para ficar mais fácil, comece com os que você mais utiliza no dia a dia e treine-os bastante. Conforme for decorando, você pode colocar mais verbos na sua lista de estudos. A melhor forma para isso é tentar trazê-los para o dia a dia ou utilizá-los na prática. Sempre que tiver oportunidade de usar algum deles durante o seu dia, utilize-o.
O phrasal verbs significado não está relacionado com o verbo que ele utiliza, tornando-se algo completamente novo. Então não se preocupe, é normal se confundir no começo e ter dificuldades. Eles são quase como gírias daqui, que se você não as conhecer ficará totalmente perdido e sem ideia do que se passa.
Existem muito phrasal verbs, milhares deles, o que torna impossível de decorar todos (ou pelo menos todos de uma única vez). Todos os professores, mestres e especialistas na língua inglesa recomendam então decorar primeiro os principais e praticar muito. Assim eles começam a ser incluídos naturalmente no seu vocabulário e você passa a entender o contexto da frase sem dificuldades.
Alguns dos mais conhecidos são:
• To give in – Na sua origem, o verbo “give” significa dar algo. Porém ao ser transformado em um phrasal verb ele indica ceder, concordar com algo, abrir mão, etc. Um exemplo da frase é: I didn’t want, but I give in (Eu não queria, mas cedi);
• To make up – Na tradução literal seria algo como fazer para cima, porém o phrasal verb não significa exatamente isso. Ao utilizá-lo dessa maneira, você demonstrar que alguém está mentindo ou inventando desculpas para algo ou alguém.

Author